[ editar artigo]

Mobilidade Urbana: Saiba o Que é

Mobilidade Urbana: Saiba o Que é

Nos últimos tempos, quase todo mundo já ouviu alguém falando sobre o que é Mobilidade Urbana ao menos uma vez. Com o crescimento rápido e contínuo das cidades, na maioria das vezes, de forma desorganizada, pensar sobre esse assunto tornou-se essencial.

Conceitualmente Mobilidade Urbana é a condição que permite o deslocamento das pessoas dentro de uma cidade. Você já parou para analisar como você se desloca na sua cidade? É fácil, seguro, rápido? Poderia ser melhor?

Em termos práticos, a mobilidade urbana impacta a nossa vida todos os dias. Diretamente porque é notável o tempo que perdemos presos no trânsito a cada ida e vinda do trabalho, as ruas cheias de carros, o transporte público muitas vezes sem qualidade e a falta de acesso e segurança das ciclovias são alguns exemplos.

Indiretamente posso citar o impacto em nossa saúde, nossas vias aéreas e olhos são altamente impactadas pela poluição rotineira. Além disso, nossa saúde mental também é afetada, é necessário estarmos sempre atentos, dirigindo por nós mesmos e por mais centenas de motoristas a nossa volta.

Isso sem falar no tempo que passamos no trânsito, que poderíamos dedicar à outras atividades, como cursos, exercícios físicos e lazer ao lado das pessoas que amamos.

Para seguir em frente, é necessário esclarecer alguns fatos sobre o Brasil, para que a gente consiga compreender melhor porque as nossas cidades, principalmente as grandes são como são atualmente.

Mobilidade Urbana x Mobilidade Social:

Desde os anos 1960 houve uma grande migração de pessoas das áreas rurais para as áreas urbanas. Com muita gente chegando de uma vez em busca de empregos, as cidades começaram a crescer de maneira muito desorganizada.

Sem planejamento, em geral, elas não tem infraestrutura adequada para atender de forma satisfatória todos os cidadãos. Isso é um dos fatores que explica o transporte público ser ruim e ineficiente em muitos lugares.

Aliado a isso, vivemos, a partir dos anos 2000, uma grande mobilidade social. Isso transformou a realidade de muitos brasileiros, dando acesso a espaços e itens de consumo, como carros, para muito mais gente.

A mobilidade social é um fenômeno que precisa de atenção. É um fenômeno onde uma pessoa, ou um grupo de pessoas, de uma posição social transita para outra posição, mudando ou não de classe.

Temos a mobilidade social horizontal, quando uma pessoa muda de cidade ou emprego por exemplo e tem uma mudança de posição social dentro de uma mesma classe social. E a mobilidade social vertical, que foi a mais exponencial a partir de 2002, quando uma pessoa muda de classe social.

Muitas pessoas saíram das linhas de pobreza e das classes mais pobres para classes um pouco mais favorecidas. Atrelado a isso, posso também citar a maior facilidade para conseguir crédito e todos os incentivos governamentais que facilitaram a compra de carros novos e usados.

Como consequência de tudo isso, hoje o número de carros é cada vez maior pelas ruas, as cidades seguem crescendo de maneira desorganizada e a mobilidade urbana fica mais complicada em parte das cidades, principalmente nas grandes cidades.

Mobilidade Urbana x Meio Ambiente:

Quanto mais veículos temos nas ruas, maior se torna a emissão de gases poluentes, que aceleram o efeito estufa e também causam doenças e desconfortos na população de forma geral. A poluição é um mal que precisa ser combatido.

As questões ambientais são sérias e precisam ser consideradas por todas as pessoas, já que afetam a vida de todos os seres do planeta. Incluindo a gente! Nossa saúde pode melhorar muito se a poluição diminuir.

É importante o desenvolvimento de veículos que não utilizem combustíveis fósseis. Eles são uma saída para a crise ambiental que vivemos hoje em dia. Tecnologia pode sim mudar o mundo.

Comprar um carro elétrico pode ser ainda muito caro para a maior parte das pessoas, mas, plantar uma árvore está ao alcance de quase todas as pessoas! E é um bom começo.

A arborização urbana é uma estratégia muito interessante para melhoria da qualidade do ar das cidades, e tem outras vantagens. Estudo mostram que a temperatura das zonas arborizadas das cidades é mais baixa do que em locais sem árvores, isso propicia que as pessoas caminhem e usem outras formas de deslocamento.

Pedalar, andar de skate, caminhar, usar patinetes, tudo isso pode melhorar se o caminho estiver arborizado. Então, além das árvores atuarem como grandes agentes de filtragem da poluição, são também um super incentivo aos transportes e veículos alternativos.

Como Melhorar a Mobilidade Urbana:

Do meu ponto de vista, melhorar a mobilidade inclui, invariavelmente:

- diminuir a quantidade de carros nas ruas de todas as cidades;

- melhorar o transporte público;

Porém, compreendo que isso não é tão simples. As pessoas só deixarão seus veículos no momento em que houver alternativas viáveis para seu deslocamento.

Seja com transporte público ou veículos alternativos, como as bicicletas por exemplo.

Um dos itens que pode ajudar todas as cidades é o Plano Diretor de Mobilidade Urbana. Para o qual todos nós podemos contribuir com ideias, e cobrar do poder público que as iniciativas sejam postas em prática.

Até lá, podemos pensar em alternativas para a nossa rotina que comecem a mostrar melhoras! Se cada um fizer a sua parte, certamente o trânsito, o meio ambiente e a saúde das pessoas irá melhorar.

Alternativas Para o Nosso Dia a Dia:

  1. Aplicativos de Caronas como o BlaBlaCar e o Waze Carpool, são ótimos. Com eles teremos menos carros nas ruas e você ainda poderá conhecer mais pessoas e economizar dinheiro. Também é possível combinar caronas com o pessoal do trabalho, cada dia uma pessoa dirige e leva algumas de carona.
  2. Veículos alternativos são uma das melhores saídas para a mobilidade nas cidades, bicicletas, skates, patinetes e patins são aliados importantes, aqui você encontra informações completas sobre eles.
  3. Transporte público também é uma maneira muito eficiente de cruzar a cidade. Se você não testou o serviço na cidade nos últimos tempos, vale a pena verificar como está atualmente a qualidade dos serviços. Você pode se surpreender.
  4. Se informar e tentar participar ativamente da construção do plano diretor de mobilidade urbana da sua cidade também é uma maneira de estar a par dos rumos que o município deseja tomar. E de dar sugestões baseadas na sua experiência do dia a dia para que a sua cidade se torne uma Smartcity no futuro.

E você, entendeu o que é a mobilidade urbana? Já pensou no impacto diário dela na sua rotina? Tem sugestões para melhorar? Conta aqui!

MOB1.CLUB
Thais Brandão
Thais Brandão Seguir

Moro no interior de São Paulo com meu marido, sou apaixonada por urbanismo e mobilidade, adoro caminhadas e trilhas de final e semana. O carro é algo necessário em minha rotina e adoro receber dicas de como economizar e cuidar melhor dele.

Ler matéria completa
Indicados para você