[ editar artigo]

O Impacto do Coronavírus no Meu Dia a Dia

O Impacto do Coronavírus no Meu Dia a Dia

Como muitos dos trabalhadores do Brasil, eu moro numa região metropolitana - mais especificamente, na de Curitiba. Meu local de trabalho fica a cerca de 15km de onde moro. Sim, Percorro 30 km de carro por dia.

Por conta do coronavírus, eu tenho trabalhado em casa, está sendo maravilhoso, não ter que me preocupar com o transito, combustível e ansiedade. Já parou para pensar em como essa quarentena está afetando a mobilidade urbana?

Minha Rotina

MOB1 || O Impacto do Coronavírus

Eu e meu marido gastamos, aproximadamente, R$750 só em combustível, acha muito? Além desses gastos financeiros, também existe o gasto psicológico e o físico.

Imagine enfrentar 30 km por dia, com engarrafamentos e trânsito. Quando chove é muito pior! 

Fora que, na saída de onde moro, estão fazendo reformas… ou seja, são filas e filas todos os dias às 7h da manhã, todo mundo querendo ir ao trabalho. 

Por conta disso, precisamos sair mais cedo, antes do horário de pico. Levamos de 40 minutos a 1h até chegarmos ao local de trabalho. Na volta para casa o tempo aumenta, parece uma eternidade. 

Já parou para pensar no que você poderia fazer nesse tempo? Eu já! A missão de chegar em casa parece ser eterna quando você só quer isso após um dia de trabalho.

Impacto do Coronavírus

Neste período no qual somos obrigados a fazer quarentena por conta do coronavírus, tenho experimentado o trabalho home office diariamente.

Trabalhar em casa requer muita disciplina. Você precisa adotar uma rotina, criar suas metas, listas de tarefas, se policiar com horários.

Porém, isso tem me beneficiado. O fato de não ter que acordar tão cedo, pegar trânsito e me estressar ou ficar ansiosa, é um alívio.

Acordo às 6h, tomo banho, me arrumo, tomo meu café, escovo os dentes e vamos ao trabalho!

MOB1 || O Impacto do Coronavírus

Começo a trabalhar 7h sem ter que pegar um ônibus lotado ou um trânsito insuportável, pessoas reclamando, buzinando. Isso para mim foi sensacional.

As ruas estão desertas, não preciso me preocupar com a rota até o trabalho e meu psicológico tem agradecido. Só quem sofre de ansiedade sabe exatamente como é ter isso todos os dias! 

No mais, não ter que gastar com combustível é muito bom. Muitas pessoas, principalmente executivos, não são a favor do home office, mas você já parou para pensar no quanto isso pode beneficiar a sociedade em relação a mobilidade urbana?

 

MOB1.CLUB
Jessica de Lima
Jessica de Lima Seguir

Curitibana, webdesigner e empreendedora, amo desafios e principalmente novos projetos!

Ler matéria completa
Indicados para você