[ editar artigo]

Rodízio de Carros

Rodízio de Carros

Aqui no Brasil, quem mora em São Paulo já está bem acostumado ao rodízio de carros, essa é até o momento a única cidade brasileira que adotou esse sistema. Pra quem ainda não sabe, o rodízio existe em diversas outras cidades do mundo, especialmente grandes capitais com fluxo muito intenso de veículos.

No mundo todo o rodízio de carros tem duas principais razões para acontecer, os mega congestionamentos e a emissão de poluentes. É claro que crises no abastecimento do petróleo também são fatores que levaram algumas cidades a implantar o rodízio, e que hoje, mesmo depois das crises resolvidas, mantiveram o rodízio de carros.

Pra quem ainda não sabe o que é o rodízio de carros, vou explicar do jeito mais simples que encontrei, usando São Paulo como exemplo. Aqui na cidade, em cada dia da semana dois números de placa não podem rodar em determinados horários.

O número considerado é o último número da placa, então toda segunda não rodam as placas com final 1 e 2, na terça 3 e 4, na quarta 5 e 6, na quinta 7 e 8 e na sexta 9 e 0. Existe também um horário específico em que não se pode usar o carro, são os horários de pico, todo dia da semana das 07h00 as 10h00 e das 16h00 às 20h00, carros com essa placa não podem rodar no chamado centro expandido e marginais.

É bem legal esclarecer que os carros não são impedidos de rodar por toda a cidade, mas sim pelos locais onde se vê os maiores congestionamentos, grandes vias de acesso e proximidades do centro, além claro, das marginais.

Em São Paulo, o rodízio de carros foi adotado em 1997 e tem como objetivos melhorar a mobilidade urbana com a redução dos mega congestionamentos, e também, melhorar a qualidade do ar, diminuindo a poluição.

Como moradora da cidade posso dizer que o rodízio de carros ajuda bastante a controlar o trânsito. Uma das coisas que aconteceu por aqui foi que muitas famílias passaram a ter dois carros, então, ao invés de ter um carro mais novo, as pessoas têm dois mais velhos, que podem circular em dias diferentes.

Isso acaba não trazendo todo o resultado que o rodízio de carros poderia trazer. Os carros velhos poluem mais, então, a qualidade do ar não melhora, as vezes dá até a sensação de ser pior a cada dia. E acaba que o congestionamento poderia ser muito menor. O trânsito é melhor com o rodízio, talvez, só por causa do rodízio de carros ele não seja tão caótico, mas ainda poderia ser muito melhor.

Existe rodízio de carros em outros países?

Ao redor do mundo diversas outras cidades também adotaram o rodízio de carros. A que tem o rodízio a mais tempo é a Grécia, que desde 1979 implantou o rodízio, na época tudo começou por conta da crise do petróleo, depois para melhorar o trânsito.

Quito no Equador e San José na Costa Rica também tem bons sistemas de rodízio de carros, a primeira implantou para melhorar o fluxo dos veículos e a segunda durante uma alta de preços do barril de petróleo.

Na Colômbia, Bogotá e Medellín tem sistemas de rodízio de carros, Santiago no Chile, La Paz na Bolívia e até Pequim na China também tem seus sistemas de rodízio de carros. Em alguns locais há incentivos para que carros com o chamado Selo Verde possa rodar mais que os demais.

O Selo Verde é dado somente aos carros mais novos, que contam com sistemas de filtragem de poluentes muito mais eficiente. Assim, mesmo não ajudando tanto nos mega congestionamentos, contribui com o meio ambiente.

Eu acho que o rodízio de carros tem potencial para trazer benefícios para as cidades. E você, o que acha do rodízio de carros?

MOB1.CLUB
Ana Paula Herenyi
Ana Paula Herenyi Seguir

Mãe, empresária e louca com o trânsita de Guarulhos... rs

Ler matéria completa
Indicados para você